Glória Fácil...

...para Ana Sá Lopes (asl), Nuno Simas (ns) e João Pedro Henriques (JPH). Sobre tudo.[Correio para gfacil@gmail.com]

segunda-feira, junho 20

vídeomaria

eh pá, também. ninguém percebeu? o vídeo era para débeis mentais, caramba. não sabem que nisto das campanhas há que ter vários discursos, conforme o target? qualquer pessoa letrada, culta, com mundo e bom gosto ignora aquilo. faz de conta que não viu.

com tanta dezena de milhar de caracteres e ideias para desbravar, qual é o intelectual que repara num produto audiovisual? experimentem perguntar aos intelectuais que lá estavam. aqueles que não perguntem 'qual vídeo?' e 'qual é o problema?' denunciam a sua falta de intelecto. uma espécie de rei vai nu, mas ao contrário.

realmente.

é que não se pode pensar só nos intelectuais. uma cidade, mesmo se se quer cosmopolita e cultural, como lisboa, tem a sua quota parte de débeis mentais. ainda. para já. é preciso também pensar neles. fazer esse pequeno-grande sacrifício.

e depois é esta a paga? isto é justo, é bonito, fica bem?

não. é feio. é sonso. é indigente. é só para prejudicar. é uma campanha negativa horrorosa, manipuladora, maléfica, invejosa, traumatizada. de gente que tem vergonha de si e da sua família, gente que foi espancada e fechada em quartos escuros a pão e água e levou com o cavalo marinho e o pingalim e o cinto e as correntes e o piaçaba, gente abusada e abusadora (é um clássico), gente que vive em quadros da paula rego, a puxar lustro às botas de guardas republicanos e a torturar cães. gente com raiva da felicidade e da beleza e do brilhantismo e das toilettes dos outros, que nem sabe o que é uma carteira prada e julga que kierkgaard é um antidepressivo.

gentinha.

apre!

o que uma pessoa tem de enfrentar só para servir o país e a pátria e o mundo e o universo.

f.
|| asl, 19:12

0 Comments:

Add a comment