Glória Fácil...

...para Ana Sá Lopes (asl), Nuno Simas (ns) e João Pedro Henriques (JPH). Sobre tudo.[Correio para gfacil@gmail.com]

sexta-feira, novembro 25

Sondagens e jornalistas: que futuro?

Em dia de sondagens, que aparentemente dão para todos os gostos (esquerda e direita), é conveniente ler o que se escreve aqui. É bom, ajuda a "desconstruir" e a relativizar as sondagens, é coisa que, por vezes, os mass media e parentes na blogosfera nem sempre fazem.

Menos simpático para os jornalistas (ah, esses terríveis seres que simplificam tudo... para as pessoas perceberem) é este post aqui.
O PM criou a palavra "numeracia" para criticar os jornalistas que não sabem "ler" os números, mas vale a pena ler!

[Isto das sondagens ameaça ser um filão nesta campanha. E vão ser importantes: já imaginaram as pressões dos candidatos da esquerda para a desistência do vizinho do lado (da esquerda) se o vizinho da direita continuar a ter aqueles resultados nas sondagens? Já imaginaram o discurso da "unidade de esquerda", do voto útil à esquerda?]

A campanha presidencial está óptima! As sondagens também!
|| Nuno Simas, 00:04

0 Comments:

Add a comment