Glória Fácil...

...para Ana Sá Lopes (asl), Nuno Simas (ns) e João Pedro Henriques (JPH). Sobre tudo.[Correio para gfacil@gmail.com]

sexta-feira, novembro 24

Luísa Mesquita (II)

Há um pormenor importante nesta história: a forma como a direcção do PCP lidou com o assunto, do ponto de vista mediático. Dantes, no tempo de Cunhal e também no de Carvalhas, a direcção do PCP ficaria à espera que o "caso" lhe caísse em cima. Depois reagiria na defensiva, permitindo à figura "dissidente" - como sempre permitiu - o controlo total da agenda.

Ontem tudo se passou ao contrário. A direcção do partido convocou os jornalistas e contou a história - primeiro através do líder parlamentar, depois pelo próprio Jerónimo. Luísa Mesquita só entrou depois, reagindo à "denúncia" do caso - e desta vez foi o "dissidente" que esteve na defensiva, respondendo aos argumentos originalmente lançados pela direcção.

Não sei se isto representa um novo modus operandi mediático do PCP - mas parece-me que sim. Reconheço apenas eficácia do método. É mais um sinal de que ortodoxia e burrice não andam necessariamente de braço dado.
|| JPH, 12:13

1 Comments:

www0419
coach outlet
mulberry handbags
green bay packers jerseys
nike outlet store
nike roshe
true religion outlet
cheap nfl jerseys
oklahoma city thunder
longchamp outlet
cheap jordan shoes


Blogger Yaro Gabriel, at 2:58 AM  

Add a comment